A cadeira-berço…

Gosto de cadeiras de embalar. Sempre gostei. Lembro-me que em casa dos meus avós havia uma e que eu e os meus primos lutávamos por ela como se não houvesse outro lugar igual na casa. A cadeira de embalar era quase como um troféu e, muitas vezes, a minha avó fazia dela isso mesmo: um prémio para o neto mais bem comportado. Hoje, olho para o meu quarto e idealizo-a, num cantinho, onde eu podia estar a ler, a ouvir música, a pensar, etc, etc. A cadeira-berço, como gosto de lhe chamar, já lá tem um sítio… falta só encontrar uma que seja amor à primeira vista e vontade para largar uns euritos para a ter. Há de diversas formas e feitios, ora clássica, ora moderna, ora de cores neutras, ora bem coloridas e, por norma, são sempre as protagonistas do espaço. Não há quem lhes fique indiferente…

Anúncios

Your point of view!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: